Celcoin News - Existe competição entre bancos e fintechs?

Mudanças no setor financeiro promovem competição, mas também parceria entre instituições

Em meio às alterações substanciais na dinâmica do setor financeiro, surgiram as fintechs. Esses novos participantes do sistema podem ser definidos como empresas que unem tecnologia e finanças em um único corpo.

De acordo com o Banco Central, fintechs são empresas que introduzem inovações nos mercados financeiros por meio do uso intenso de tecnologia, com potencial para criar novos modelos de negócios. O BC ainda organizou essas empresas nas seguintes modalidades: Instituições de Pagamento, Sociedades de Crédito Direto e Sociedades de Empréstimo entre Pessoas.

As fintechs surgiram com um papel muito mais importante a partir da implementação do Open Banking no Brasil. O modelo que busca uma nova proposta de oferta e criação de produtos por meio do compartilhamento de dados dos clientes, tem nas fintechs a oportunidade de inovar com as tecnologias financeiras.

Dentre as novidades trazidas pelo Open Banking, a competição entre fintechs e bancos é um assunto em alta. Para alguns especialistas, essa nova era seria o fim dos tradicionais bancos e o auge da atuação das fintechs no mercado. Entretanto, com o avançar das fases de implementação do Open Banking, a realidade vem se mostrando outra.

A competição se tornou parceria

Um dos maiores desafios no Open Banking é a criação de novas tecnologias robustas, que possam analisar e oferecer serviços e produtos de maneiras precisas.

Nesse contexto, a competição entre as instituições acabaria gerando, a longo prazo, um prejuízo em relação às possibilidades de crescimento do setor financeiro. Disputar entre si seria uma perda de tempo e de recursos, tanto para os bancos quanto para as fintechs. Sendo assim, os participantes do Open Banking entenderam que a parceria é a chave para o sucesso.

Conhecido como rebundling, ou “serviços financeiros reagrupados”, as fintechs encontraram um papel ainda mais importante no contexto do Open Banking: ofertar, de forma conjunta ou complementar a outras instituições, serviços e produtos financeiros. A parceria entre fintechs e grandes bancos, ou até mesmo outras fintechs, proporciona um crescimento saudável e rentável para ambas as partes.

Com a cooperação dessas instituições no Open Banking, as inovações criadas e oferecidas ao mercado tendem a trazer ainda mais movimentação para o setor financeiro, além de benefícios para os milhões de clientes finais, que cada vez mais poderão contar com serviços tecnológicos que se adequem às suas reais necessidades.

Nessa conjectura, a Celcoin, pioneira em Open Finance no Brasil, oferece ao mercado soluções tecnológicas que desburocratizam a participação de novos players no setor financeiro, proporcionando APIs de conexão de dados para atuação no Open Banking.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no google
Compartilhar no pinterest
Fique por dentro da plataforma pioneira em infraestrutura de tecnologia financeira e bancária

Ficou interessado em nossas soluções?

Envie uma mensagem!